À procura da felicidade

Muitos se perguntam sobre como se sentir bem dentro do mundo corporativo. Há inúmeras teorias que tentam mostrar como e o que temos que fazer para atingir a verdadeira felicidade. Poderia filosofar para explicar essas diferentes correntes de pensamento. Mas creio que a resposta é muito mais simples do que parece ser.

Todos os dias, acordamos para enfrentar e desafiar a vida. Buscamos encontrar explicações para que nossa caminhada seja forte e contundente.

Não é fácil seguir em frente, sobretudo em um mundo tão confuso e cheio de incertezas.

Mas voltando à felicidade, tenha certeza de que você está fazendo algo que tenha sentido, te dá prazer e te torne uma pessoa melhor. O professor Clovis de Barros, que aqui me inspira, diz o quão é importante viver a vida e que vale a pena vivê-la. Procure então algo que lhe dê sentido, seja ele qual for, mas tem que ter sentido. Não acorde querendo voltar a dormir. Levante como se fosse ficar eternamente acordado.

Nem sempre fazemos exatamente o que sonhamos, mas que façamos do nosso trabalho o sentido de viver e de valer a pena viver. Certamente, o mundo corporativo não é um parque de diversões, não se engane. Realizar uma tarefa, simples ou complexa, mas que realmente valha a pena, é o que dá sentido à vida.

A felicidade está aí ao nosso lado. Deixe-a entrar, agradeça, lute e acredite. Somos responsáveis pelas nossas escolhas. Quanto mais encontramos propósito no que fazemos, mais nos aproximamos da sublimação da felicidade. Não desista de buscá-la e, quando a encontrar, não a largue mais.

Hoje, temos péssimos exemplos por todos os lados, mas também temos líderes extraordinários. São estes que me inspiram e me ajudam a encontrar o sentido da vida e, assim, dar o real valor às realizações.

A realização profissional nos mostra o verdadeiro sentido do trabalho, que, como sabemos, dignifica, imortaliza e é desta maneira que deixaremos o nosso importante legado para orientar outras gerações.

Octavio René Libarbenchon Neto

 

 

Presidente da Unike Group.

Fonte: Diário Catarinense

Mas voltando à felicidade, tenha certeza de que você está fazendo algo que tenha sentido, te dá prazer e te torne uma pessoa melhor. O professor Clovis de Barros, que aqui me inspira, diz o quão é importante viver a vida e que vale a pena vivê-la. Procure então algo que lhe dê sentido, seja ele qual for, mas tem que ter sentido. Não acorde querendo voltar a dormir. Levante como se fosse ficar eternamente acordado.

"A verdade deve manifestar-se em nossos pensamentos, nossas palavras e nossas ações"
 
Mahatma Gandhi
"Jamais permita que os nós tapem a vista da janela, pois será através dela que enxergaremos a oportunidade dos laços!"

 

Áureo dos Santos