Eu te desejo

 

Desejo primeiro, que você ame, e que amando, também seja amado. E que, se não for amado, seja breve em esquecer quem um dia você amou, mas, não retribuiu o teu amor, e, esquecendo totalmente desta pessoa para não enviar para ela fluídos negativos, dela, não guarde mágoa. Desejo pois, que não seja assim, mas se for, saiba ser sem desesperar.

Desejo que saibas sair dos teus romances como neles entrastes com charme e elegância.

Desejo também que tenha amigos, que, mesmo irresponsáveis, cínicos, as vezes arrogantes, ou orgulhosos do seu muito saber, ou inconseqüentes, sejam corajosos e fiéis, sendo guerreiros que lutem ao teu lado, e que em pelo menos um deles você possa confiar cegamente sem duvidar. E porque a vida é assim, desejo ainda que você tenha inimigos; nem muitos, nem poucos, mas na medida exata para que, algumas vezes, você se interpele a respeito de suas próprias certezas. E que entre eles, haja pelo menos um que seja muito justo, para que você não se sinta demasiado seguro, ao se acreditar tão bom.

Desejo depois que você seja útil, capaz, eficaz em tuas ações, trabalhos, tarefas e serviços, mas não insubstituível, mesmo que você o seja. E que nos maus momentos, nos piores momentos, após lutas ferozes, quando não restar mais nada, essa utilidade aliada a tua enorme capacidade, tenacidade e garra, sejam suficientes para manter você de pé, porque, de pé você poderá observar melhor tua vitória perante os inimigos caídos ao chão, nocauteados pela tua Inteligência e Atitude.

Desejo ainda que você seja tolerante e paciente não com os que erram pouco, e são tão Inteligentes quanto você, porque, isso é fácil, mas com os que erram muito, irremediavelmente, os que sabem menos do que você e que fazendo bom uso dessa tolerância e paciência, você sirva de exemplo aos outros, assumindo assim importantes lideranças.

Desejo que você, sendo jovem, não amadureça depressa demais, e que sendo maduro, não insista em rejuvenescer e que sendo velho, nunca sinta-se ultrapassado, e, não se dedique ao desespero, porque, só é velho quem se sente velho! Porque cada idade tem o seu prazer e a sua dor e é preciso deixar que elas escorram por dentro de nós, como benfazeja seiva da nossa árvore biológica.

Desejo por sinal que você seja triste; não o ano todo, mas apenas um dia por ano. E, que nesse dia triste, descubra que o riso diário é bom, refletindo sobre o tema sorrindo. Porém sorrindo o sorriso dos Inteligentes, pois o riso frouxo, o sorriso artificialmente  habitual e apenas profissional  é insosso e o riso constante é insano ou nervoso.

Desejo que você descubra, com o máximo de urgência, acima e a despeito de tudo, que infelizmente neste planeta, existem oprimidos, injustiçados, pobrezinhos e infelizes, e que estão à tua volta precisando da tua Inteligência, da tua Sabedoria, do teu conhecimento, da tua cultura, dos teus pensamentos, dos teus conselhos, dos empregos que você puder gerar, e dos teus projetos para poderem evoluir.

Desejo ainda que você afague um gato, alimente um cachorro, brinque com ele, cante com os pássaros, brinque com as crianças como se fosse uma delas, não se preocupe por nada, porque, a preocupação é uma doença que pertence aos medíocres e medrosos, e ouça o João-de-Barro erguer triunfante o seu canto matinal; porque assim, você se sentirá bem por nada.

Desejo também que você plante uma semente, por mais minúscula que seja, e acompanhe o seu crescimento, para que você saiba de quantas muitas vidas é feita uma árvore.

Desejo outrossim, que você tenha dinheiro, porque é preciso ser prático e sem ele não se vive e não se consegue fazer o bem em desejável escala econômica. E que pelo menos uma vez por ano, coloque um pouco dele na sua frente e diga "Isso é meu". Só para que fique bem claro  entre você e o dinheiro, quem é o dono de quem.

Desejo também que nenhum dos seus afetos morra, por ele e por você, mas que se morrer, você possa chorar sem se lamentar e sofrer sem se culpar.

Desejo por fim que você sendo um homem, tenha uma boa mulher, e que sendo uma mulher, tenha um bom homem e que se amem hoje, amanhã e no dia seguinte, e, quando estiverem exaustos e sorridentes de tanto fazer amor com bom gosto, intensidade e vontade, ainda haja amor para recomeçar. E se tudo isso acontecer na tua vida, não tenho nada mais a te desejar.

Feliz ano novo. 

 

Victor-Marie Hugo 

(Besançon26 de fevereiro de 1802 — Paris22 de maio de 1885).

Observação

Foi um empresário, empreendedor, homem de negócios, projetista e Maçom. Revolucionário, novelistapoetadramaturgoensaístaartista, literato e ativista pelos direitos humanos. 

Foi considerado um dos maiores franceses de todos os tempos, um grande Estadista de grande atuação política em seu país. 

É autor de Les Misérables e de Notre-Dame de Paris, entre diversas outras obras de grande sucesso até hoje.

Seu excepcional romance Les Miserables (os miseráveis) é um marco das ciências sociais. 

O livro inspirou o musical do mesmo nome que até hoje é um grande sucesso.Homem de muita coragem, lutou em rebeliões contra a opressão, homem bonito, era considerado pelas mulheres um grande amante. Era um boêmio. 

Morreu em 22 de maio de 1885 e já era um grande adepto do Kardecismo.

De acordo com seu último desejo, mesmo sendo um empresário de sucesso, um grande Maçom e um dos maiores escritores da França em todos os tempos, seu corpo foi depositado em um caixão humilde que foi enterrado no Panthéon.

Gostava tanto de escrever pensamentos diários nos melhores jornais de Paris, que os seus amigos ao compilá-los, conseguiram editar mais cinco livros, fora os vinte que ele havia escrito, inclusive alguns sobre Economia e negócios.

Seu corpo ficou vários dias exposto sob o Arco do Triunfo, onde a França homenageia seus grandes heróis. Estima-se que mais de um milhão de pessoas vieram lhe prestar uma última homenagem, (isso naquela época!). Quando morreu, as prostitutas de Paris ficaram de luto e recusaram-se a fazer programas.

Escreveu este pensamento EU TE DESEJO, para os amigos no ano novo de 1884, um ano antes de morrer.

"A verdade deve manifestar-se em nossos pensamentos, nossas palavras e nossas ações"
 
Mahatma Gandhi
"Jamais permita que os nós tapem a vista da janela, pois será através dela que enxergaremos a oportunidade dos laços!"

 

Áureo dos Santos