Fortalecimento da vontade

Em nosso tempo é perfeitamente possível, através da autodisciplina interna e do treinamento da vontade, levar em conta o desenvolvimento que é por outro lado deixado à educação e às experiências da vida. A personalidade de alguém pode ser fortalecida treinando a vontade. Pode-se, por exemplo, dizer a si mesmo: Dentro de cinco anos, adquirirei um novo hábito e, durante esse tempo, concentrarei toda a minha força de vontade em alcançá-lo. Quando a vontade é treinada dessa maneira, por uma questão de perfeição interior, então a pessoa solta, sem práticas ascéticas, a alma-espiritual da natureza corpórea.

 

A primeira descoberta, quando esse treinamento da vontade é realizado em prol do aperfeiçoamento pessoal, é que é necessário um esforço contínuo.

 

Todo dia algo deve ser alcançado internamente. Muitas vezes é apenas uma pequena conquista, mas deve ser perseguida com determinação ferrenha e vontade inabalável.

 

Muitas vezes, é o caso de se recomendar, por exemplo, um exercício como concentração a cada manhã sobre um determinado pensamento, que as pessoas embarquem com entusiasmo ardente. Mas isso não dura muito, pois a vontade diminui e o exercício se torna mecânico, porque a energia forte, que é cada vez mais necessária, não é iminente.

 

A primeira resistência a ser superada é a própria letargia; então vem a outra resistência, que é de natureza objetiva, e é como se alguém tivesse que lutar por por seu caminho em um denso bosque. Depois disso, chega-se à experiência que dói porque o pensamento, que gradualmente se torna forte e vivo, encontra seu caminho no ritmo do mundo externo e começa a perceber a direção do espaço – de fato, percebe o que está vivo.

 

Descobre-se que o conhecimento superior é atingível apenas pela dor.

 

Rudolf Steiner

Publicado originalmente em:  https://www.antroposofy.com.br/ 

"A verdade deve manifestar-se em nossos pensamentos, nossas palavras e nossas ações"
 
Mahatma Gandhi
"Jamais permita que os nós tapem a vista da janela, pois será através dela que enxergaremos a oportunidade dos laços!"

 

Áureo dos Santos