Meditação sobre a Verdade

Falar sobre a Verdade é muito complexo. Pouquíssimos têm definido o que seria a verdade. Aristóteles, há 2.400 anos, lançou uma definição sobre a Verdade. Diz ele que Verdade "é aquilo que corresponde fielmente à realidade". Parece ser uma definição muito simples, além de suscitar questionamentos sobre o assunto, principalmente os filósofos.

Voltamos no tempo, vamos ao Mestre dos mestres, Cristo, e reviver uma passagem bíblica em que Pilatos pergunta para ELE o que é verdade.
Na realidade ELE não responde o que é a Verdade. Alguns afirmam que ELE não respondeu ao Pilatos para não perder seu tempo na explicação, mas simplesmente respondeu: "Eu sou o caminho, a Verdade e a vida, ninguém vem ao Pai senão por mim". (João, 14, 6). Ou seja, a Verdade seria ELE mesmo por ser o caminho para chegar ao Pai.

Bem, na realidade a palavra Verdade pode ter vários significados, desde "ser o caso", "estar de acordo com os fatos ou a realidade", ou ainda ser fiel às origens ou a um padrão. Usos mais antigos abarcavam o sentido de fidelidade, constância ou sinceridade em atos, palavras e caráter.
Assim, "a verdade" pode significar o que é real ou possivelmente real dentro de um sistema de valores. Esta qualificação implica o imaginário, a realidade e a ficção, questões centrais tanto em antropologia cultural, artes, filosofia e a própria razão. Como não há consenso entre filósofos e acadêmicos, teorias variadas e visões a cerca da verdade existem e continuam sendo debatidas. (Wikipédia).

Por outro lado, temos a filosofia que estuda a Verdade de diversas maneiras. Por exemplo, a Metafísica se ocupa da natureza da verdade.
A Lógica se ocupa da preservação da verdade.  E, a Epistemologia se ocupa do conhecimento da verdade.

Com tudo isto que já escrevemos, já nos leva a muitas dúvidas, embora a filosofia a estude de diversas maneiras. Conceituar Verdade é muito difícil, nem o Cristo a soube conceituar. Mas, podemos dizer que Verdade significa aquilo que está intimamente ligado a tudo que é sincero, que é verdadeiro, ou seja, é a ausência da mentira. Podemos ainda afirmar que Verdade é também, a afirmação do que é correto, o que é seguramente o certo e está dentro da realidade apresentada.

Podemos afirmar com certeza de que a verdade é relativa, em razão de alguns fatos que eram considerados verdadeiros, não serem no futuro. Aí podemos exemplificar as pessoas que consideravam ser verdade de que o planeta Terra era plano. Hoje sabemos que o planeta não é plano.

Uma coisa que podemos afirmar também é que uma verdade pode ser verdade para algumas pessoas e para outras não serem verdade, dependendo da perspectiva de cada um. E ela se torna uma Verdade aceita por todos quando ela é uma verdade o tempo todo em todos os lugares.
Por exemplo, todos os seres humanos precisam do ar para respirar. Essa é uma verdade aceita por todos porque é igual para todos os seres humanos.

Estamos cientes de que uma das características do ser humano é a busca permanente pela verdade, é o desejo de comprovar a veracidade dos fatos e de distinguir o verdadeiro do falso e que frequentemente nos coloca dúvidas no que nos foi ensinado. A busca pela verdade surge logo na infância quando começamos a sempre perguntar: por quê? E, lógico ao longo de nossa vida. Estamos sempre questionando as verdades estabelecidas pela sociedade e a filosofia tem na investigação da verdade o seu maior valor. Friedrich Nietzsche dizia: "Não há fatos eternos, como não há verdades absolutas".

Então, para definir o que é Verdade, partimos para a mais simples das definições, a de Aristóteles que disse: "Dizer que é, o que é, e dizer que não é o que não é, eis a verdade".

Para finalizar devemos relacionar a Verdade com a Maçonaria. O que ela nos ensina? O que sabemos que ela determina que busquemos sempre a Verdade. O Irmão Adilson Florentino em sua Peça de Arquitetura relacionada com A Maçonaria e a busca da Verdade, diz que "Seu objetivo é a incessante busca da verdade através do uso da razão na tentativa de fomentar o desenvolvimento intelectual e moral das pessoas que nela se iniciam com destaque para o progresso social". É o homem em busca da Verdade para ser o Construtor Social.

Em síntese, podemos dizer que o Maçom gradua-se para algo melhor e mais elevado, com a busca pela Verdade, que se caracteriza pela senda maçônica nos três graus simbólicos, ou seja, a busca da iluminação, da sabedoria e do encontro de si mesmo, abrindo a porta para o encontro com a Verdade.

Como disse o Irmão Mamadu Lamarama Bari "A Maçonaria ensina através de seus símbolos e alegorias que a Verdade é um atributo da Divindade, por isso, só pelo trabalho das asperezas do seu caráter, com base no estudo e meditação profunda, além do uso da moral e da razão, o maçom poderá alcançar a luz e deste se aproximar a Grande Verdade que é o Grande Arquiteto do Universo".

Quero finalizar citando o Mestre Hindu, Swami Vivekananda: "Devemos ter ciência que a Verdade não é propriedade de ninguém, de nenhuma raça. Nenhum indivíduo pode reclamar sua exclusividade. A Verdade é a natureza simples de todos os seres...".

Autor

Juarez de Oliveira Castro

Mestre Maçom (Instalado).

"A verdade deve manifestar-se em nossos pensamentos, nossas palavras e nossas ações"
 
Mahatma Gandhi
"Jamais permita que os nós tapem a vista da janela, pois será através dela que enxergaremos a oportunidade dos laços!"

 

Áureo dos Santos